Hermenegildo Neto

E agora José?

Textos

Poesia do Mim.
De mim, em mim, pra mim.

Eu sou líquido,
Abstrato.
Sou tudo aquilo que escrevo,
Sem que seja só meu.
Sou eu,
Poeticamente falando
A vítima que os versos revelam.
Também é pra mim,
Que estes encamisam,
Vestem.
Hermenegildo
Enviado por Hermenegildo em 28/09/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras