Hermenegildo Neto

E agora José?

Textos

Sóbrio, infelizmente

Se a loucura me coubesse
Usufruir-te-ia
 
A razão que anseio
Mate-me lentamente
Em teu seio

Eu sofro deveras
É que meus sentimentos são de chumbo
Os laços de aço
E as decepções severas.
Hermenegildo
Enviado por Hermenegildo em 18/03/2021
Alterado em 18/03/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras