Hermenegildo Neto

E agora José?

Textos

Monjolo
Mais um dia de trabalho
Trabalho árduo
Daqueles que fazem doer o físico
Pra que não doa a saudade.

Trabalho como o monjolo
Dia e noite
Mas assim como ele
Eu soco essa lembrança
Tentando esmagá-la
Em vão.

Eu quero ocupar minha cabeça
Eu quero anular os sentimentos
Eu quero matar a tristeza
Antes de morrer por dentro.
Hermenegildo
Enviado por Hermenegildo em 02/11/2020


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras